sábado, 8 de novembro de 2008

Projeto Lagerfeld




Karl Lagerfeld, 74, é essa figura aí em cima, digo, é a figura que está logo acima do ursinho que leva o seu nome. O estilista lançou o ursinho Lagerfeld. Que fofo, digo, o ursinho. Já andei acompanhando os passos desse sujeito, não os do urso. Vi-o dando uma entrevista etc (ele é Alemão; nasceu em Hamburgo). Não fui a fundo no assunto. Interessou-me saber que Lagerfeld disse não gostar de crianças e temer pessoas que colecionam bonecas. Por que? Sei lá.

Ele foi enfático a respeito das crianças:


"Esta é a última coisa que quero. Eu odeio todas as crianças. Para as outras pessoas, tudo bem, mas não para mim. Eu não nasci para ser um ser familiar".

O cara é osso. Vou continuar a minha coleção de frases Lagerfeld. Ele disse ainda detestar gordos ou que estranhos o toquem. Até existe uma dieta que leva o seu nome. Como não usa celular ou relógio, o estilista acha um luxo não ser localizável. Nem e-mail ele tem (Caetano Veloso também não tem e-mail). Lagerfeld é do tempo da carta.

E é uma cara como esse que dita a moda internacional? A revista Time classificou Lagerfeld entre as cem pessoas mais influentes do mundo, na categoria "Construtores e Titãs" (também faz parte desta lista um brasileiro, Kaká).

Tramita no Congresso um projeto que visa proibir modelos com baixo índice de massa corporal de desfilarem. E agora? O que você acha Lagerfeld?  Madri já proibiu modelos muito magras de desfilarem... O Brasil começa a estudar a idéia.
Estou apoiando o Projeto Lagerfeld (o nome do projeto inventei agora). Estou até abrindo uma enquete. Vote.

Um comentário:

Diego disse...

Muito interessante. Esse rapaz me faz lembrar Ariano Suassuna.
Sds. Diego

Sim, meu blog é diegotobias.blog.terra.com.br